"Sou eu que começo ou é você que começa? [...] Sou eu que começo! [...] E eu começo como? Eu vou falando por ordem cronológica ou o que me vier na cabeça?"
(Mercedes, personagem de Lília Cabral - Divã, 2009)

O blog mudou no formato. Os textos mais recentes estão abaixo e podem ser lidos na íntegra clicando em Read more... no final de cada postagem.

O restante das postagens estão disponíveis nos links a esquerda. Utilize a ferramenta de busca ou as tags.

Fique a vontade. E volte sempre!

Agora não mais...

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Sorte no jogo, azar no amor. Escuto sempre que jogo alguma coisa. Uma máxima para confortar a derrota ou para compensar grande vitórias. Para ganhar você precisa perder e perdendo se ganha.

O tabuleiro ficava a disposição e nossos peões andavam conforme os dados. Ditava as regras e dava as cartas aquele que tivesse mais jeito com os dados. Maiores somas ou pares perfeitos. Eu jogava para ganhar e perdi.

E eu que pensava que sabia jogar os dados. Pior ainda, eu que pensava que era eu quem sempre jogava os dados. Dados viciados. Sempre caíam a seu favor. Agora não importa mais, eu parei de jogar. Ganhei! A vida não é um jogo, muito menos um jogo de dados.

16 pessoas quiseram falar também!:

26 janeiro, 2009  

"Tem coisas que é melhor perder do que ganhar"
é a minha frase no orkut

Dama de Cinzas 26 janeiro, 2009  

Há quem tenha sorte nos dois e azar nos dois... rs

Beijocas

Conceição Duarte 26 janeiro, 2009  

Maravilha, podemos até ter mais sorte aqui ou mais alí, mas correr em busca do que queremos e gostamos, sem nos prender a babaquices como essas... Maravilha, adorei! Bjus CON DUARTE

Aline 26 janeiro, 2009  

Oi, é impressão minha ou geral decidiu dar o pé na bunda de um amor já fracassado? rs...

bjo amadaaaaaaaaa

Luifel 26 janeiro, 2009  

Bom, acho q faço parte da 'geral' que tá dando um fim em amores fracassados...

:(

Bj moça e boa sorte!

Marco Antonio 26 janeiro, 2009  

A vida é um jogo de futebol... a arbitragem que às vezes se confunde, entende?

Mariana foi pro mar...

Luilton 26 janeiro, 2009  

Acho essa máxima a mais sem cabimento de todas.

Amor e sorte não se cruzam em nada.

Um abraço!

☆ Sandra C. 26 janeiro, 2009  

quais seus números de sorte?

Amanda Guerra 26 janeiro, 2009  

Ah, Mari querida... eu juro que queria fazer um comentário mais profundo que isso, mas não to me contendo em falar: pois eu ganhei no poker se sábado, arrumei um emprego e meu namoro vai as boas.

Prontofalei. tô tão feliz que acho que tô até meio insensível... =(

Leonardo Stravalli 27 janeiro, 2009  

É incrível como tudo na vida que é jogado, um dia o mesa vira, a banca vai à falência, enfim...
O bom mesmo é a busca pela verdade absoluta, sem rodeios, jogos de marqueting pessoal ou qualquer outra coisa...

Beijos!

Thiérri 27 janeiro, 2009  

Eu não tinha sorte em nenhum dos dois... até que encontrei minha namorada... A pouco mais de 5 anos... só tenho sorte no amor, pois o jogo continua a mesma bos**...
Por isso só jogo jogos que dependam de mim, ou que eu possa superar a falta de sorte, um blefe no poker, por exemplo.

Welker 27 janeiro, 2009  

Se a vida é um jogo, aquele que está fadado a vencê-la, não poderá desfrutar do amor e vicê-versa. É uma lógica aprisionadora. Felizmente, para o bem da humanidade, nem todos seguem ditados populares. :B

Leonardo Stravalli 27 janeiro, 2009  

Olá...

Meu blog tá de cara nova e textos novos, espero que gostes...

Ah! E também tem mais um presentinho! rsss

Beijo.

Su 27 janeiro, 2009  

Quando descobri que os dados são jogados de uma forma tão aleatória, abandonei os jogos. Ganhar, perder! Isso não importa mais, eu não jogo!!

Beijão, Flor

Thaís Motta 27 janeiro, 2009  

Pois é , triste essa historia de jogo , de sorte , e de AMOR ,

Mas acho que pior que isso , só q decpção de achar que NOS que jogavamos , quando na verdade faziamos parte de um jogo . Inutil .

Flavia Melissa 30 janeiro, 2009  

não, amiga, a vida não é MESMO um jogo de dados... jogos são sempre de azar, e na nossa vida a gente quer mais é sorte, certo?

vc nda numa fase inspirada... to amando!

Postar um comentário

Você também precisa falar? Comente...

Importante

Os textos postados neste blog são de minha autoria. Aqueles que não são, faço referência aos autores e/ou locais onde encontrei. Faça o mesmo e respeite: se copiar, credite.

Os comentários são abertos e o conteúdo dos mesmos não necessariamente expressa a opinião da autora.

Para parcerias e contatos profissionais utilize o formulário do 'Fale comigo'.

Fale comigo

Envie um e-mail diretamente para mim.


Seu nome:

E-Mail:

Mensagem:


Você é sempre bem vindo aqui! Volte sempre que quiser!

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP