"Sou eu que começo ou é você que começa? [...] Sou eu que começo! [...] E eu começo como? Eu vou falando por ordem cronológica ou o que me vier na cabeça?"
(Mercedes, personagem de Lília Cabral - Divã, 2009)

O blog mudou no formato. Os textos mais recentes estão abaixo e podem ser lidos na íntegra clicando em Read more... no final de cada postagem.

O restante das postagens estão disponíveis nos links a esquerda. Utilize a ferramenta de busca ou as tags.

Fique a vontade. E volte sempre!

A hora de começar o dia

domingo, 20 de julho de 2008

Passou quase a noite toda olhando as estrelas. Neste dia ela não fechou a janela por completo, deixou uma folha da veneziana aberta. Debaixo das cobertas da sua própria cama ela tinha uma boa vista do céu. Não tinha tantas estrelas no céu, o dia estava frio e as nuvens que anunciavam uma breve chuva, embaçavam a bela visão para as estrelas. Ela adora ver estrelas, conversar mentalmente consigo mesma e pedir conselho aos pontos brilhantes no cobertor negro que estampava parte da sua janela.
Pareceu que tinha ficado ali um bom tempo mas, talvez tivessem sido os trinta minutos antecedentes ao sono. Os pensamentos eram tranquilos e viciados. Os mesmos assuntos antes de dormir, o mesmo suspiro, quase a mesma oração e então ela virava de lado, encolhia as pernas, puxava a coberta para debaixo do pescoço e esperava o sono chegar.
-------
Ela já havia acordado mas os olhos continuavam cerrados. "Não era para o dia começar já...". Pensava em tudo que precisava ser feito. Fez bem umas quatro listas mentais. Ela adora fazer listas mentais mas, não conta para ninguém pois ela critica pessoas que fazem listas.
O dia está para ser vivido e aproveitado, sem listas! - ela dizia para o maior fazedor de listas que já conhecera.
Abriu os olhos e acrescentou na lista mental: arrumar o quarto. Aquilo estava uma bagunça.
Colocou o pé no chão e sentiu que a noite havia sido bem fria. "O dia não precisava começar agora...". Sem chinelos à vista, foi descalça para o banheiro, lavou o rosto, tentou ajeitar o cabelo para um lado, depois para o outro e optou por fazer um rabo-de-cavalo.
Já desperta, seus olhos ainda miravam a cama e as lembranças boas da noite passada junto com as estrelas. Foi quanto seu telefone tocou.
-Alô?
- Oi...estava dormindo?
- Uhum- acabei de levantar.
- Te liguei para te dar Bom Dia.
- [sorrisos] Bom Dia para você também.
A conversa continuou por mais alguns minutos e ela pensava: "Ah...agora o dia já pode começar!"
[Porque Te Amo pode não ser Bom Dia, mas Bom Dia pode ser Te Amo]

12 pessoas quiseram falar também!:

Zé do Cão 20 julho, 2008  

Simples, bonito e extremamente profundo.
Oxalá que o amor porque espera não seja igual ao que tramou as Margaridas, da minha historia de vida.

Beijinhos

Igor Lessa 20 julho, 2008  

[Porque Te Amo pode não ser Bom Dia, mas Bom Dia pode ser Te Amo]

Caraca, muito bom!!!

Que lindo, Mariana... Gostei muito. Muito doce e apaixonado.

Um beijo, geminiana!


Olhando Pra Grama - Crônicas de um ansioso

Euzer Lopes 20 julho, 2008  

Nossa. Acordar com um "bom dia" só perde para ouvir um bom dia a poucos centímetros dos ouvidos.
Realmente isso faz o dia começar muito bem.

Vinícius Aguiar 21 julho, 2008  

É impressioante como os gestos mais simples são exatamente os mais importantes e capazes de despertar a felicidade!!

Natiih 21 julho, 2008  

A-do-rei! :D
tenho 12,porque?

mm,  21 julho, 2008  

"Porque em algum momento da vida seria assim e noutro momento será bem melhor que isso"

Juliana Gulka 21 julho, 2008  

Que lindo!
Por que as pessoas não podem simplesmente desejar um bom dia??
Beijoooo floor!

Clecia 21 julho, 2008  

Tão bom acordar com um bom dia especial, né? Aliás, um bom dia de alguém especial! :) Bjos e boa semana!

MAhkau 22 julho, 2008  

Não acredito!
eu já atualizei e vc não?
vai chover!
rsrsrsrs
bjooo
mary!
t amuuuu!

carla m. 22 julho, 2008  

Lindo Mariana... como sempre. Só me pergunto se como eu ela faz lista para depois esquecê-las!

passa lá no meu blog que tem presentinhos pra ti!

beijocas

Flor 22 julho, 2008  

Mariana... te linkei...
olha só : Porque Te Amo pode não ser Bom Dia, mas Bom Dia pode ser Te Amo, é o nome de um livro??
boa semana... beijoo

Juliana.Campos 23 julho, 2008  

Com um bom dia desses não ia me importar de acordar de um sono gostoso!

adorei!
adorei principalmete a frase:
"Porque Te Amo pode não ser Bom Dia, mas Bom Dia pode ser Te Amo" [pra refletir!]

Postar um comentário

Você também precisa falar? Comente...

Importante

Os textos postados neste blog são de minha autoria. Aqueles que não são, faço referência aos autores e/ou locais onde encontrei. Faça o mesmo e respeite: se copiar, credite.

Os comentários são abertos e o conteúdo dos mesmos não necessariamente expressa a opinião da autora.

Para parcerias e contatos profissionais utilize o formulário do 'Fale comigo'.

Fale comigo

Envie um e-mail diretamente para mim.


Seu nome:

E-Mail:

Mensagem:


Você é sempre bem vindo aqui! Volte sempre que quiser!

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP