"Sou eu que começo ou é você que começa? [...] Sou eu que começo! [...] E eu começo como? Eu vou falando por ordem cronológica ou o que me vier na cabeça?"
(Mercedes, personagem de Lília Cabral - Divã, 2009)

O blog mudou no formato. Os textos mais recentes estão abaixo e podem ser lidos na íntegra clicando em Read more... no final de cada postagem.

O restante das postagens estão disponíveis nos links a esquerda. Utilize a ferramenta de busca ou as tags.

Fique a vontade. E volte sempre!

Todo tanto é sempre pouco.

sexta-feira, 6 de junho de 2008


- Porquê você insiste em brigar quando estou de saída?


- Eu não brigo...


- Briga, sim! Lembra que combinamos nunca deixar um ao outro com palavras rudes?Pois não sabemos quando será a próxima vez...


- Então, daí eu brigo para poder ficar mais tempo com você...




[ Porque todo tanto é sempre pouco]

Mais dialógos aqui

18 pessoas quiseram falar também!:

Aline 06 junho, 2008  

Hj tou azeda amiga, birga em msn é uma bosta! rs...

Bjm

Cadinho RoCo 06 junho, 2008  

Quando a desavença ganha cotornos de hábito, aí a situação pede conversa sim.
Cadinho RoCo

Susanna Martins 06 junho, 2008  

"Porque todo tanto é sempre pouco"
Essa frase é completamente verdadeira e profunda!!
BEijooos

Ciça. 06 junho, 2008  

Eu sempre brigava com meu ex quando ele tava de saída. Só pra ele ficar mais. *-*


:*

Mariana 06 junho, 2008  

testando os comentários e o e-mail

Ultra Violet 07 junho, 2008  

Ah... amor é assim, pelo msn então, ganha uma nova configuração, mas passa pelas mesmas fases de um relacionamento usual.

Eu uso outras táticas...rs

Bjs.

Vinícius Aguiar 07 junho, 2008  

É....nao deixa de ser uma forma de demonstrar que gosta né... num mundo tão cheio de egoísmo e desamor, até isso tá valendo!!!
hehehehee
beijos Mari!

Luifel 07 junho, 2008  

Moça, pois é, dizem como o Vinicius comentou acima que quem briga gosta, pode ser...

Mas brigar me deixa malzão sabe!

Bjs.

Monalisa Marques 07 junho, 2008  

Hm.
Sou fraca. Não gosto de pensar em "quando quem se ama já não estará mais por perto".
Dá uma tremedeira no coração, uma agitação na garganta.

Abraço.

janao,  07 junho, 2008  

auahuhauahauhauha...
o argumento é forte!
Adorei!

Three Love's 08 junho, 2008  

romanticamente divertido!

b.e.i.j.o.s.

.Intense. 08 junho, 2008  

Adorei.
Mas vou evitar maiores comentários.
Não tou numa boa fase pra isso.

;p
;*

Filipe Garcia 09 junho, 2008  

Oi Mariana,

passei pra conhecer seu blog e me deparei com esse diálogo ternuroso demais da conta.

Bonito esse amor que quer o outro sempre do lado. Bonito isso de que qualquer tanto é pouco. Bonita sua poesia.

Volto depois pra ler mais coisas.

Beijo.

Ana Laura 09 junho, 2008  

Me recuso a comentar posts amorosos por essa semana. rs

Beeijo!

Marco Antonio 09 junho, 2008  

aaaaaaaaaaaaah
partiu meu corazon

Nathália 09 junho, 2008  

Ah, um amorzinho! *-*

Beijo!

Ps.: Tem presente pra você lá no blog.

Euzer Lopes 09 junho, 2008  

Nossa... Este foi verdadeiramente tocante...
Parabéns!

Postar um comentário

Você também precisa falar? Comente...

Importante

Os textos postados neste blog são de minha autoria. Aqueles que não são, faço referência aos autores e/ou locais onde encontrei. Faça o mesmo e respeite: se copiar, credite.

Os comentários são abertos e o conteúdo dos mesmos não necessariamente expressa a opinião da autora.

Para parcerias e contatos profissionais utilize o formulário do 'Fale comigo'.

Fale comigo

Envie um e-mail diretamente para mim.


Seu nome:

E-Mail:

Mensagem:


Você é sempre bem vindo aqui! Volte sempre que quiser!

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP