"Sou eu que começo ou é você que começa? [...] Sou eu que começo! [...] E eu começo como? Eu vou falando por ordem cronológica ou o que me vier na cabeça?"
(Mercedes, personagem de Lília Cabral - Divã, 2009)

O blog mudou no formato. Os textos mais recentes estão abaixo e podem ser lidos na íntegra clicando em Read more... no final de cada postagem.

O restante das postagens estão disponíveis nos links a esquerda. Utilize a ferramenta de busca ou as tags.

Fique a vontade. E volte sempre!

Saudade...

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Nestes últimos dias tenho sido tomada por um imenso sentimento nostálgico. Saudade, talvez seria a palavra ideal (por isso a usei no título).

Saudade do colégio. De ficar sentada na porta da escola, com o fichário no colo, jogando truco, rindo e falando coisas sem sentido. De querer fazer as coisas mais sem sentido e mais inacreditáveis só para ter história para contar.
E como tenho história para contar. Cada uma mais diferente que a outra.
Na verdade, elas não são tão diferentes assim, elas são só histórias de adolescente. E com meu olhar (um tanto quanto) cômico, elas ficam mais que diferentes: ficam maravilhosas.

Na última sexta-feira, eu e uns amigos fizemos um churrasco. Da turma do colégio mesmo tinham cinco pessoas, e lá pelas tantas da madrugada regamos a noite com sorrisos, gargalhadas e lágrimas lembrando o tempo do colégio.
No sábado, minha família esteve em casa, e junto com meus primos relembramos milhares de peripércias, também escolares.
Domingo, na casa de um amigo, fotos antigas tomaram conta dos sorrisos.

Vale dizer que eu estudei a vida toda na mesma escola. Desde o maternal I, desde os 2 anos e meio. Vale dizer que meus colegas de sala, hoje eternos amigos, também percorreram esses 17 anos de vida escolar na mesma instituição.
Falando disso agora, eu me lembro de detalhes incríveis, os quais não vou citar pois, tornaria o texto cansativo para um leitor que não tivesse a mínima noção do que este tempo significou para mim.

O fato é que estou pensando sobre isso. O clima nostálgico tomou conta do fim de semana. E eu, absorvi esse clima e desejei profundamente poder voltar no tempo por uns dias.

Nostalgia - foi essa palavra que coloquei no Google para buscar imagens. Apareceu essa figura que ilustra o post. Uma janela.

Pensei em qual significado ela teria para a pessoa que a publicou com este nome. Não importa!
Para mim significa só uma boa imagem. E é para onde vou, para onde olho quando tenho saudade.

3 pessoas quiseram falar também!:

Vini,  12 fevereiro, 2008  

Como diz Marcelo D2:

"A saudade não tem pena,
não tem dó nem compaixão,
Não perdoa só condena,
A saudade é uma prisão.
A saudade é uma praga que o rosto não disfarça.
Passam dores, passam mágoas,
mas a saudade não passa."

E pior que a saudade é um coisa muito estranha mesmo, eu que acabei de sair da escola ja tenho certeza que esse pouquinho de saudade com o passar do tempo vai ficar muito grande...

mas,, fazer o que, como diz um brother meu.. " é a vida mano!"
bjs Mary

João Guilherme 13 fevereiro, 2008  

eee saudade hein...

putz...como o churrasco foi bom...me lembrei de tantas coisas...até sentei no chão de tanto rir..

éé...o tempo passa..o tempo voa..
e a poupança bamerindos (é isso msm??) não continua numa boa..
nem a poupança continua numa boa..
olha só como são as coisas..ahhahauhahua..

to falando bobeira ja..
bjos mary!

janao 13 fevereiro, 2008  

Ah! Que linda! Adorei o texto... Acho que, como vc mesma viu, todos acabamos sempre envolvidos por esses sentimento nostalgico, né verdade? As melhores histórias são as que gurdamos no cantinho da memória e que são tão legai, mais tão legais que só mesmo tendo vivido pra saber o que realmente se passou.
Uma beijoca e sempre que quiser, meu brejo estará no ar!


bjOs

Postar um comentário

Você também precisa falar? Comente...

Importante

Os textos postados neste blog são de minha autoria. Aqueles que não são, faço referência aos autores e/ou locais onde encontrei. Faça o mesmo e respeite: se copiar, credite.

Os comentários são abertos e o conteúdo dos mesmos não necessariamente expressa a opinião da autora.

Para parcerias e contatos profissionais utilize o formulário do 'Fale comigo'.

Fale comigo

Envie um e-mail diretamente para mim.


Seu nome:

E-Mail:

Mensagem:


Você é sempre bem vindo aqui! Volte sempre que quiser!

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP